Prefeitura entrega 2ª remessa de alimentos no Centro, chegando a 35 toneladas

IMG_0863

Prefeitura já entregou 35 toneladas de alimentos só este ano

A Prefeitura de Rio Tinto entregou na manhã desta quarta-feira (24), no ginásio de Esportes ‘O Almizão’ a segunda remessa dos produtos da agricultura familiar do Programa de Aquisição de Alimentos (PAA), aos beneficiários inseridos no programa do Bolsa Família.

Foram entregues mais 7,5 toneladas de alimentos, totalizando 15 mil quilos distribuídos só este ano para famílias da região do Centro da cidade. As compras dos produtos são realizadas por meio da Companhia Nacional de Abastecimento (CONAB), numa articulação das Secretarias do Trabalho e Assistência Social, e Secretaria de Agricultura e Pesca de Rio Tinto.

O benefício também vem sendo realizado na Vila Regina, por meio do Centro de Referência da Assistência Social (CRAS), com compras realizadas pela (EMATER) e Governo do Estado da Paraíba. Nessa região já foram destinados 20 toneladas de alimentos. Ao todo, as compras atingem 35 toneladas nesses cinco primeiros meses da nova gestão.

O prefeito Fernando Naia acompanhou mais uma vez as distribuições na manhã de ontem e aproveitou para parabenizar toda a equipe envolvida no processo de seleção das cestas, acompanhamento de cadastros e das entregas.

“Quero aqui mais uma vez parabenizar todas as equipes envolvidas das Secretarias de Assistência Social e do Trabalho, da Secretaria de Agricultura e Pesca, aos profissionais da EMATER e CONAB, por todo o empenho e dedicação para fazer chegar esses alimentos as mesas das famílias rio-tintense”, lembrou.

O prefeito anunciou que já solicitou às Secretarias envolvidas para que a meta deste ano seja ampliada para 70 mil quilos.

Os produtos alimentícios são comprados aos produtores rurais da própria cidade, beneficiando cerca de 26 agricultores, que produzem e fornecem os gêneros, como macaxeira, inhame, batata doce, maracujá, banana, feijão verde, limão, coco e mamão.

Segundo a assistente técnica da CONAB, Silvia Diniz, os produtos são adquiridos de acordo com a demanda existente em cada município. “O quantitativo de cada produto não são iguais, mas, o importante é que os alimentos estão chegando para quem mais precisa”, disse.

O assessor da Secretaria de Assistência Social e do Trabalho, Givanildo Barros, explicou que ontem foram distribuídos os seguintes itens: macaxeira (4.464 – kg), maxixe (56 – kg), coco (177 – kg), feijão (268 – kg), milho (603 – kg), maracujá (427 – kg) e inhame (1.000 – kg).

Codecom



Comentários