Júnior desiste de disputar Prefeitura de Mamanguape e diz que não vota em Fábio e nem Eunice

Junior-da-PadariaO empresário Luiz Cornélio da Silva Júnior, mais conhecido por Júnior da Padaria disse nesta sexta-feira, 29, que desistiu de disputar a Prefeitura de Mamanguape pelo PSC por problemas de saúde, terá que ser submetido a procedimento cirúrgico.

“Em entrevista à Rádio Correio do Vale FM, com seu estilo tímido, Júnior da Padaria, afirmou que o grupo denominado de G7 na próxima semana anuncia o nome do candidato substituto a Prefeitura nas eleições 2016 e que não apoia as candidaturas a prefeito de Fábio Fernandes – PMDB e, nem de Maria Eunice, do PSB”, disse.

Indagado sobre a tendência dos eleitores no pleito vindouro, o empresário está confiante que o povo quer mudança e votar no novo. “Para Júnior é preciso ter propostas, quem ganha é o povo, o PSC e partidos aliados será a alternativa”, ressaltou.

Júnior revelou que não tem mágoas das vereadoras, Kaká de Sérgio – PC do B, e Edileuza Cunha – RS, porque abandonaram o G7, politicamente considerou normal.

Nos bastidores circulam boatos que o nome cotado para substituir o de Júnior da Padaria é o do vereador de oposição ao governo municipal, Flávio Serafim, do PT do B.

Ele garantiu que o candidato substituto ganhará importantes adesões, mas só serão anunciadas na hora oportuna. Sobre a campanha, Júnior alega que será de muita criatividade e com debates das ideias com o povo e postulantes a ser prefeito.

 

Da redação: Chico Soares



Comentários