Confira o repasse do FPM, FUNDEB e FEP nos Municípios do Vale do Mamanguape

FPM junhoO repasse referente à terceira parcela de fevereiro do Fundo de Participação dos Municípios (FPM), Fundo de Manutenção e Desenvolvimento da Educação Básica e de Valorização dos Professores da Educação (FUNDEB) e Fundo Especial do Petróleo (FEP), foi creditado na última sexta-feira, 24 de fevereiro, nas contas das prefeituras da nossa região.

 

 

VEJA OS VALORES ABAIXO:

  FPM FUNDEB FEP
ITAPOROROCA R$ 291.268,83 R$ 102.445,52 R$ 16.474,64
MAMANGUAPE R$ 485.448,04 R$ 215.646,02 R$ 27.735,09
RIO TINTO R$ 339.813,63 R$ 136.337,73 R$ 19.414,56
CAPIM R$ 147.490,43 R$ 18.429,08 R$ 8.426,57
CUITÉ DE MAMANGUAPE R$ 145.634,41 R$ 61.854,03 R$ 8.237,33
CURRAL DE CIMA R$ 145.634,41 R$ 43.086,58 R$ 8.237,53
MATARACA R$ 145.634,41 R$ 67.234,39 R$ 8.237.33
JACARAÚ R$ 196.637,21 R$ 127.314,65 R$ 13.728,88
MARCAÇÃO R$ 145.634,41 R$ 77.174,81 R$ 8.237,33
PEDRO RÉGIS R$ 114.295,37 R$ 43.748,90 R$ 8.320,53
LAGOA DE DENTRO R$ 117.982,32 R$ 103.142,09 R$ 8.237,33
BAÍA DA TRAIÇÃO R$ 145.634,41 R$ 84.228,09 R$ 8.237,33

 

Observação: A cidade de Mamanguape ainda teve creditado em suas contas, o valor de R$ 215.646,02 referente aos Royalties da ANP, Os royalties do petróleo são uma compensação financeira devida à União pelos concessionários que exploram e produzem petróleo e gás natural, distribuída entre os governos municipais, estaduais, Comando da Marinha do Brasil, Ministério da Ciência e Tecnologia e para um fundo especial, administrado pelo Ministério da Fazenda, que beneficia todos os estados e municípios brasileiros.

Por Napoleão Soares



Comentários