Natal Gordo: Prefeituras da Paraíba vão receber mais de R$ 170 milhões da multa da repatriação

Tota Guedes diz que dinheiro chega em um momento importante, salvando a lavoura do prefeitos

Tota Guedes diz que dinheiro chega em um momento importante, salvando a lavoura dos prefeitos

Os 223 municípios paraibanos vão receber R$ 170.188.135,67 do repasse dos recursos da multa da repatriação. Os prefeitos vão Fechar o ano de 2016 com os cofres cheios, não tendo desculpa para não pagar os atrasados, a folha de Dezembro nem fornecedores. A informação é da Confederação Nacional de Municípios (CNM). De acordo com a CNM, o dinheiro será depositado nas contas a partir da publicação da Medida Provisória 753/2016, do governo federal.

Ainda segundo a confederação, as Prefeituras terão o direito de receber a cota-parte da multa preservado, já que a outra parte da verba já foi repassada.

Os números da CNM apontam que a Prefeitura de João Pessoa é quem vai receber a maior parcela R$ 22.321.360,89; seguido de Campina Grande – R$ 5.511.107,28; Santa Rita – R$ 2.723.062,68; Patos – R$ 2.420.500,16, e Bayeux – R$ 2.269.218,90.

O presidente da CNM, Paulo Ziulkoski, aconselha que seja mantida a mobilização dos prefeitos para que essa conquista seja efetivada. Além disso, ele lembra que os gestores locais devem reivindicar que a sanção do novo texto da Lei do Imposto Sobre Serviços (ISS), aprovado pelo Congresso Nacional, ocorra este ano para garantir que algumas operações possam vigorar a partir de 2017.

Em evento em São Paulo, Michel Temer anunciou que os municípios serão beneficiados com repasses de R$ 6 bilhões da verba arrecadada com a multa do programa de repatriação de recursos mantidos por brasileiros no exterior. A declaração ocorreu durante a cerimônia de entrega de 420 unidades do Minha Casa Minha Vida, em Mogi das Cruzes, na região metropolitana de São Paulo.

Confira os valores que cada Prefeitura irá receber:

 

Por Napoleão Soares



Comentários