Governo descarta reajuste salarial e realização de concursos públicos no próximo ano

50efed7fca887197d1b3O governador Ricardo Coutinho (PSB) descartou a possibilidade de conceder reajuste salarial aos servidores do estado bem como a realização de concursos públicos para preenchimento de vagas na administração em 2017. O gestor avaliou que o atual cenário econômico do país não permite o aumento de gastos, mas disse que a medida pode ser revista caso haja melhoria da situação.

“Evidentemente que não. Temos um problema como este que, por conta da redução das receitas, o estado ultrapassou o limite da Lei de Responsabilidade Fiscal. Não podemos ampliar a folha de pessoal, porque se eu fizesse isso estaria prejudicando a sociedade. Eu não posso ser irresponsável e pagar por isso. O funcionalismo sabe”, ponderou.

O governador lembrou que a realidade em vários estados do país é de muita dificuldade para honrar a folha de pagamento, enquanto, na Paraíba, os salários são pagos dentro do mês trabalhado. “Eu não posso ampliar o problema, eu tenho que resolver o problema. É para isso que se governa. Hoje eu não posso dizer que teremos aumento. A pergunta talvez fosse se vai atrasar em 2017…Eu deixo de pagar tudo para poder completar a folha “, ressaltou.

Sobre a realização de concurso público, o socialista, novamente, salientou a dificuldade financeira e disse que não teria como realizar novas contratações. “Não há nenhum em vista porque o estado não comporta. Ao contrário, há uma pressão federal para que nada seja feito em termos de pessoal, para reduzir o impacto. Ao mesmo tempo eu não posso anunciar nenhum aumento. O meu compromisso é continuar fazendo tudo que estiver ao meu alcance para manter o pagamento em dia aos funcionários”.

Da Redação



Comentários