“Gestão Jair em Cuité de Mamanguape é desencontrada e não disse até agora a que veio”, disparou Diego Meireles

Vereador Diego Meireles (PSDB)

Após um ano e dois meses de gestão do prefeito de Cuité de Mamanguape, Jair da Farmácia (PSC), o vereador da bancada de oposição, Diego Meireles (PSDB), avalia como uma administração desencontrada e não disse até agora a que veio. O índice de impopularidade do prefeito é alto na cidade e nas comunidades rurais.

“É público e notório, o calçamento das ruas da cidade está cheios de buracos. No setor de saúde, o prefeito fechou o posto de saúde do centro, já na comunidade do sítio Cana Brava não conta com uma unidade básica de saúde, o que lamentável. Eu recebi informações que uma médica estava atendendo as mulheres em uma das salas de uma escola sem portas, fazendo consultas ginecológicas”, afirma Diego.

O parlamentar também relatou os problemas do setor de educação do município. De acordo com o tucano, as aulas tiveram início e as crianças estão em uma sala sem ar condicionado e com mal estar por conta de um cheiro forte de tinta. Os professores e pais de alunos estão indignados com essa situação, é um abandono geral, alega o vereador Diego.

 

Diego ficou feliz pela decisão do Ministério Público da Comarca,  que determina  em despacho ministerial, que a Prefeitura de Cuité de Mamanguape arquive todos os procedimentos administrativos abertos, bem como, não exonere, ou anule ato de exoneração ilegal, de servidor que tenha sido afastado de suas funções por aposentadoria do INSS.

.

Ele criticou Jair por não dar expediente na Prefeitura, para atendimento a população.Segundo Diego, os antecessores de Jair, num passado recente, não fugiam do povo, atendia na Prefeitura, diferente de hoje.

 

Por Chico Soares



Comentários