Efraim Filho viaja a Brasília para tratar de alianças e diz que tendência do DEM é permanecer com o PSB

Vice-presidente nacional da legenda, deputado federal Efraim Filho espera sair da reunião com liberdade para definir sozinho sobre as questões locais.

Todas as especulações que giram em torno de qual lado deve tomar o Democratas na Paraíba devem acabar nesta quarta-feira (25). Isso porque o deputado federal e vice-presidente nacional da legenda, Efraim Filho (DEM), revelou que viajará na quarta para tratar sobre essas questões no estado.

Ventilou-se a possibilidade de o PV abrir espaço para o DEM nas articulações que buscam fazer de Lucélio Cartaxo o novo governador da Paraíba, após a aliança que foi feita a nível nacional entre o DEM e o PSDB e um encontro entre o presidente democrata, Efraim Morais, e o pré-candidato da oposição. No entanto, Efraim Filho espera sair da reunião com liberdade para definir sozinho sobre as questões locais.

“Eu viajo amanhã a Brasília atendendo a um convite do presidente nacional, ACM Neto, que reúne a executiva nacional do Democratas. Então vamos estar lá discutindo o cenário nacional e a repercussão nos estados. Eu espero sair de Brasília com a autonomia e a liberdade para poder definir a nossa coligação aqui na Paraíba, independentemente da aliança nacional, que veio de última hora e, nesse momento, não seria interessante verticalizar essa aliança para todos os estados onde há incompatibilidade, e é o caso da Paraíba”, explicou.

O parlamentar destacou também que a tendência é o DEM permanecer como aliado do PSB na Paraíba.“O Democratas terá essa autonomia, eu tenho essa expectativa para que a gente possa definir o melhor caminho e hoje a tendência é manter a aliança com o PSB”, disse.

Por: Francisco Varela Neto



Comentários