Cássio revela que vai disputar a reeleição e quer Romero na disputa para o governo pelo PSDB

Senador Cássio Cunha Lima (PSDB)

O 1º vice-presidente do Senado, Cássio Cunha Lima (PSDB) neste sábado (03), participou por telefone do programa Panorama Político, da Rádio Correio do Vale FM, comandado pelo jornalista Felipe França e o radialista Álvaro Costa. O programa de ontem, foi apresentado pelo jornalista Chico Soares, que questionou o senador sobre o desdobramento da renúncia do prefeito Luciano Cartaxo (PSD) de disputar o governo do Estado no primeiro turno das eleições de outubro.

Sob o assunto, Cássio respondeu a pergunta com muita cautela, disse acreditar que seja uma decisão irreversível de Cartaxo, porém, vai conversar com ele, mas quer convencer o prefeito de Campina Grande, Romero Rodrigues (PSDB) ser candidato a governador da oposição.

Com Álvaro Costa, Cássio admitiu ter conversado muito rápido no aeroporto em Brasília, com o senador José Maranhão, que já está em campanha para governador pelo (MDB). Ele preferiu não revelar a conversa, mas disse que vai tentar convencê-lo para as oposições apresentar apenas uma candidatura, que a preço de hoje, é difícil acontecer. Entretanto, todos querem sentar na cadeira, hoje ocupada pelo governador Ricardo Coutinho, que apoia a candidatura do secretário de Estado, João Azevedo (PSB), homem de confiança do mago.

Ainda sobre o futuro de Cartaxo, se vai apoiar o candidato da oposição ou – da situação, Cássio Cunha Lima preferiu não emitir opinião das declarações dada à imprensa na última sexta-feira (02), pelo secretário de Articulação Política de João Pessoa, Zennedy Bezerra, tido como o braço direito do prefeito. “Eu não avalio declarações do assessor, antes que converse com o prefeito”, afirmou Cássio.

Entretanto, a conjuntura política hoje na Paraíba, os tucanos terão que encontrar um candidato a governador, caso contrário, o (PSDB) terá que formalizar aliança com (MDB) de Maranhão e ou – o (PSB) de Ricardo.

 

Por Chico Soares



Comentários