Prefeita e ex-prefeito de Mamanguape comentam parecer do MPE sobre as eleições 2016

A classe política de Mamanguape vive momento de expectativa em relação ao parecer do procurador regional eleitoral Victor Carvalho Veggi. Ele opinou pela manutenção da cassação da prefeita Maria Eunice (PSB) e sua vice, Baby Helenita (PRTB), por suposta prática de abuso de poder econômico e compras de votos nas eleições de 2016.

Veggi emitiu parecer pelo desprovimento do recurso interposto pela prefeita e vice no TRE, contra a decisão da juíza Juliana Maroja, da 7ª Zona, que em outubro do ano passado, julgou procedente uma Ação de Investigação Judicial Eleitoral (Aije) proposta pelo Ministério Público Eleitoral, que poderá resultar em eleição suplementar na cidade.

Em entrevista a Rádio Correio do Vale FM, a prefeita Maria Eunice disse que não está preocupada com a Aije. Entendo que o parecer do procurador regional eleitoral não foi surpresa, a ação ainda será julgada pela corte do TRE/PB. Meu foco é trabalho e confio na justiça, disse.

Ouça áudio da prefeita, confiante que será inocentada da Aije no TRE/PB.

 

Líder das oposições, o ex-prefeito de Mamanguape Eduardo Brito, atendeu a reportagem da Rádio Correio do Vale FM e falou sobre a Aije que pede a cassação da prefeita e vice, em relação à sentença da juíza da 7ª zona e o parecer do procurador regional eleitoral.

Ouça áudio do ex-prefeito, confia que a justiça tomará as medidas cabíveis. 

 

Por Chico Soares e Napoleão Soares

 



Comentários