Pedro afirma que vice na chapa de Lucélio Cartaxo sairá mediante acordo interno

O deputado federal Pedro Cunha Lima, do PSDB da Paraíba, salientou, ontem, que continuam em gestação os entendimentos para definição do nome que comporá, na condição de vice, a chapa ao governo que tem como candidato Lucélio Cartaxo, do PV. Pedro admitiu que o escolhido pode vir a ser indicado pelos tucanos, mas deixou claro que qualquer decisão somente será tomada uma vez esgotadas as articulações com as agremiações que compõem o núcleo de apoio ao pré-candidato ao governo na faixa de oposição. “Não é certo que o nome do vice seja do PSDB. A conversa está em aberto”, resumiu o deputado.

Na chapa que está sendo montada, já há um tucano ilustre indicado para cargo majoritário: o senador Cássio Cunha Lima, pai de Pedro, que disputará a reeleição. A preocupação de Lucélio tem sido a de evitar desequilíbrio na correlação de forças e representatividade dos partidos que estão engajados na frente oposicionista, o que poderia originar defecções prejudiciais. Pedro Cunha Lima asseverou que de sua parte vai mesmo disputar reeleição à Câmara. “Tenho o desejo de continuar meu trabalho na Câmara dos Deputados, lutando por mais educação para o Brasil e, também, para a redução dos gastos públicos, bandeira que tem sido obsessão minha”, expressou Pedro. Ainda hoje ele deverá ter uma reunião com o presidente da Câmara, Rodrigo Maia, do DEM-RJ, para tratar do assunto.

Enquanto isso, a vice-governadora Lígia Feliciano, pré-candidata ao governo pelo PDT, iniciou ontem uma maratona de conversações com lideranças políticas em regiões do Estado, na busca de apoios para viabilizar a sua pretensão. A esposa do deputado federal Damião Feliciano esteve reunida com vereadores e lideranças partidárias do interior em Campina Grande e outras reuniões com lideranças estão agendadas para os próximos dias. Na opinião de Lígia, é fundamental o processo de ausculta dessas lideranças. “Estou muito feliz com o que ouvi da parte de prefeitos e vereadores. Estou tendo o apoio de cada liderança do meu partido para seguir em frente. Tenho o endosso da direção nacional do PDT e agora a nível regional também”, comentou. O aval da cúpula nacional do partido foi manifestado pelo presidente Carlos Luppi, que destacou qualidades de Lígia Feliciano para representar a agremiação no cotejo de outubro.

Blog Os Guedes



Comentários