MPF investigará possível desvio de recursos federais em Curral de Cima

O Ministério Público Federal na Paraíba (MPF-PB) instaurou um inquérito civil para apurar possível desvio de 60% do Fundeb, no ano de 2013, por parte do município de Curral de Cima, no Litoral paraibano. A informação está publicada na edição desta sexta-feira (8) do Diário Oficial do órgão.

Conforme portaria do MPF, existe a suspeita de uma “suposta não aplicação” dos recursos federais na remuneração de professores e profissionais do magistério da cidade. O inquérito tem prazo de um ano para ser concluído. A investigação está autorizada pelo Procurador da República Rodrigo Gomes Teixeira.

Fonte 83



Comentários