Jair é o primeiro vereador de Cuité de Mamanguape que se elege prefeito pelo PSC

14516337_592840780904275_5008788988715958603_n

Comício de encerramento na cidade de Cuité de Mamanguape

O prefeito eleito de Cuité de Mamanguape, Djair Magno Dantas, mais conhecido por Jair da Farmácia (PSC) disse que uma de suas metas é melhorar a gestão, aplicar os recursos com respeito, transparência nas ações que serão realizadas pela Prefeitura e vai governar para as pessoas que mais precisam.

Jair não ignorou recomendação para disputar cargos eletivos, em 2012 se elegeu vereador pelo PSB com 252 votos, apenas 4,91% dos votos válidos.

O parlamentar foi ousado, quis o cargo de prefeito, e para consegui-lo inovou durante a campanha, utilizando recursos como moto e carro popular. Como não era favorito nas pesquisas, buscou uma forma diferente para se aproximar dos mais de 6 mil eleitores: “Nós não tínhamos recursos, buscamos votos na amizade e apresentamos propostas”, nossos cabos eleitorais e a militância eram voluntários,  nós se preocupamos em ir nas casas e visitar a todos”, afirmou Jair.

Jair conseguiu 2.998 votos, que corresponde a 53,95% dos votos válidos. Ele encabeçou a “Coligação Pelo Bem do Povo”, ao lado do seu vice-prefeito Genilson Dutra, numa aliança de cincos partidos – PSC, PP, PDT, PTN e PC do B. O candidato não eleito disputou pela “Coligação Unidos Por Uma Cuité”, PSD, PSB, PRB, PTB, PSDB, DEM, PMDB e PT do B, Hélio Severino de Souza (Helhinho), escolheu para compor sua chapa como candidato a vice-prefeito, Alexandre Meireles Dantas de Lima. Helhinho obteve 2.559 votos, ou seja, 46,05%.

O líder do Partido Social Cristão da cidade, Jair da Farmácia, derrotou de uma só vez, nas eleições do domingo (2), os governos estadual e municipal, os senadores do PMDB, PSDB, entre outras lideranças de prestígio político a nível regional.

 

Por Chico Soares



Comentários