Encontro das Juventudes: João recebe apoio de 40 entidades e propõe ampliar Prima para as artes cênicas

Ampliar o Prima – Programa de Inclusão através da Música e das Artes – para as artes cênicas, com a formação de grupos de teatro e dança nas comunidades e municípios, e criar Centros Olímpicos em todas regiões do Estado. Essas foram algumas das propostas apresentadas pelo pré-candidato a governador da Paraíba pelo PSB, João Azevedo, durante o Encontro das Juventudes realizado na noite desta quarta-feira (25), na Associação dos Inativos e Pensionistas da UFPB (Asip).

João e o pré-candidato do PSB ao Senado Federal, Veneziano Vital do Rêgo, foram recebidos com muita euforia pelos jovens e representantes de entidades estudantis. Durante o encontro, eles debateram sobre políticas públicas e as expectativas da juventude paraibana, e receberam uma carta de apoio formulada por 40 entidades que defendem a manutenção do projeto administrativo implantando pelo PSB no Estado.

No documento, as 40 entidades também convocam os jovens a lutarem por uma Paraíba cada vez mais justa, inclusiva e transformadora, com a eleição de João Azevêdo e Veneziano. Após receber a carta, os pré-candidatos socialistas se comprometeram a estudar cada uma das propostas para conectar a ideias com seus respectivos planos de governo e atuação no Senado.

Na área de Educação, João Azevêdo destacou que vai aprimorar programas implantados pela gestão do governador Ricardo Coutinho (PSB) que estão dando certo, como o Gira Mundo, que possibilita o intercâmbio internacional de estudantes de escolas públicas estaduais, e o Prima, que é responsável pela formação de orquestras de jovens músicos em comunidades de baixa renda. “O Prima, por exemplo, tem resgatado muitos jovens, que passam, a partir da formação das orquestras, a terem disciplina, a sonharem com um futuro melhor movidos pelo amor a música”.

João acrescentou, ainda, que vai incluir em seu plano de governo a ampliação do Prima, não apenas em números de orquestras, mas também para as artes cênicas, com a formação de grupos de teatro. “Esse é o verdadeiro sentido da inclusão: retirar as pessoas que estão à margem da sociedade, com políticas públicas voltadas para jovens, idosos, LGBT, negros, comunidades quilombolas, indígenas, mulheres e pessoas com deficiência. Tudo isso construído pelo Governo do Estado e pelas mãos de muita gente”, enfatizou. “Não podemos deixar tudo isso pra trás”, acrescentou.

Já Veneziano lembrou o quanto foi fundamental na sua formação cidadã e como gestor participar da vida estudantil e do debate universitário. “Como prefeito de Campina, tive a oportunidade de estabelecer uma interlocução direta e franca com os estudantes. Com essa interlocução, implantamos o sistema integrado no transporte urbano, o bilhete eletrônico, a passagem única e o fundo municipal de cultura, fortalecendo o protagonismo da nossa juventude”.

O pré-candidato a senador ainda destacou a credibilidade do projeto político capitaneado por Ricardo Coutinho. “Quando somos recebidos de braços abertos por milhares de pessoas em cada município, é porque esse projeto representa o trabalho e tem serviços como as escolas técnicas estaduais, o ensino integral e programas como o Gira Mundo. Quando João se compromete em ampliar as escolas técnicas estaduais, o Gira Mundo e o Prima, é porque tem a credibilidade de um governo que fez”, pontuou.

Avanços

O jovem Felipe Diniz, representante de uma das entidades de pessoas com deficiência, enalteceu os avanços oferecidos pelo atual governo, como as melhorias na Funad de João Pessoa, a abertura da Funad em Sousa. Ele também destacou o apoio da gestão do PSB ao esporte e ao paradesporto. “Hoje vivemos na Paraíba da inclusão e governada para todos”, ressaltou.

O encontro de João e Veneziano com a juventude contou, também, com a participação dos pré-candidatos a deputado Cida Ramos (PSB), Estela Bezerra (PSB), Anderson Maia (PSB), Sergio Lucena (PSB), Heitor (PSB) e Nonato Bandeira (PPS), além da presidente da JSB-PB, Princila Gomes, da vice-presidente da UJS, Ana Lú, do presidente da Juventude do PPS, Thiago Diniz, e de representantes dos DCE da UEPB da UFPB, e de grêmios estudantis.



Comentários