Doria defende candidatura de Lula e diz que ele deve ser derrotado nas urnas

Doria e Lula podem disputar Presidência da República (Foto: Da Net)

Doria e Lula podem disputar Presidência da República (Foto: Da Net)

O prefeito de São Paulo, João Doria (PSDB), defende que o ex-presidente Lula não seja condenado, nem preso agora, para que antes seja derrotado pelo povo, nas urnas. “O Lula precisa ser derrotado antes nas urnas, para então se tornar apenável”, diz ele, segundo a coluna de Eliane Cantanhêde.

Doria calcula que, se Lula fosse preso agora, usaria isso a seu favor, posaria de vítima, mobilizaria boa parte da sociedade brasileira e até líderes internacionais. E ainda abusaria da versão de que só estaria sendo preso para não poder voltar à Presidência, descreve a jornalista.
“Deixem o Lula concorrer e ser derrotado. Ele precisa ser condenado primeiro pelo povo e só depois pela Justiça, não o contrário. É assim que ele tem de entrar para a história”, declarou o prefeito tucano.
Do Brasil 247

Comentários