Após assumir Solidariedade na PB, Bruno Cunha Lima confirma pré-candidatura a deputado federal

Ele chega para comandar a legenda no estado, e se torna o presidente estadual do partido

O deputado estadual Bruno Cunha Lima surpreendeu a todos ao se desfiliar do PSDB, partido dos Cunha Lima, liderado por seu primo, o senador Cássio Cunha Lima (PSDB). No último dia de janela partidária, no sábado (7), ele anunciou sua filiação ao Solidariedade e sua pré-candidatura a deputado federal. Ele chega para comandar a legenda no estado, e se torna o presidente estadual do partido. A migração de Bruno é nitidamente para viabilizar sua disputa à Câmara Federal, já que a postulação naturalmente não aconteceria na sigla tucana, já que o grupo tem Pedro Cunha Lima (PSDB) como candidato à reeleição.

Bruno Cunha Lima explicou sua motivação em sair do PSDB, e informou que já estava em diálogos com outras legendas. Ao que parece, ele não comunicou previamente a Cássio, Pedro ou ao presidente estadual da legenda, Ruy Carneiro, sobre a decisão. “Uma série de fatores, também fatores de foro íntimo, que dizem respeito a isso. No final da semana passada, sem pretensão alguma, terminei encontrando o secretário nacional de um outro partido que estava na Paraíba, e conversamos, falei com o presidente nacional de um outro partido sobre a hipótese de comandar a legenda no estado.

Segundo o, agora, presidente estadual do Solidariedade, a decisão de sair do PSDB e ingressar no Solidariedade só foi cravada no sábado. Ainda conforme Bruno, sua filiação foi um pedido de Paulinho da Força, presidente nacional do partido.

“Foi até o sábado, essa era minha intenção, quando estávamos na articulação, ainda na fase de diálogos, em função de algumas questões, inclusive partidárias, [foi] um apelo do presidente Paulinho, dos amigos e correligionários, e algumas coisas que estiveram em debates durante esses dias, decidi enfrentar uma disputa para a Câmara Federal, e sou pré-candidato a deputado federal”, afirmou Bruno Cunha Lima. “Por entender que o partido precisa de uma representação, já que perdeu Benjamin Maranhão”, completou.

Blog do Gordinho

 

 



Comentários